Upherb logo

Pesquisa

Plantas Daninhas

CORDÃO-DE-FRADE

(Leonotis nepetaefolia) – Código LEONE

A plântula possui hipocótilo e epicótilo cilíndricos, glabros, verde-claros. Folhas cotiledonares longo-pecioladas, com limbo de formato trapezoide, com ápice truncado e levemente reentrante. Folhas verdadeiras pecioladas, com limbo de formato ovoide, com ápice agudo e margens crenadas; nervuras deprimidas na face ventral e proeminentes na dorsal; coloração verde-escura.

Planta anual, reproduzida por sementes. Após a emergência o florescimento inicia com 6 a 7 semanas, de forma indeterminada, acompanhando o crescimento da parte terminal dos ramos.

Planta ereta, não ramificada ou com pouca ramificação, alcançando até 2m de altura. O caule é reto e ereto, simples ou com algumas curtas ramificações ascendentes. Raiz principal pivotante, bem desenvolvida.

Nas partes baixas da planta as folhas são longo-pecioladas e tem limbo de formato ovalado ou ovalado-deltoide, com base atenuada e ápice agudo ou obtuso, com margens distintamente crenadas. O comprimento fica geralmente entre 5-8cm. Ambas as faces são glabras, de coloração verde, mais clara na face dorsal. Na parte superior da planta as folhas são menores, de formato lanceolado, curtamente pecioladas. A longo do caule as folhas ocorrem de forma oposta, cruzando-se os pares sucessivos. Na parte terminal podem ocorrer folhas isoladas.

A inflorescência apresenta-se em forma de pseudo-verticilos globosos, dispostos em sequência na porção elevada do caule, junto à base das folhas. O número desses globos depende da altura da planta e seu diâmetro fica geralmente entre 3-7cm na maturação. Em cada globo podem ocorrer até 100 flores, cuja abertura é escalonada.

A estrutura básica de cada globo é formada pelo conjunto dos cálices, cujas bases são justapostas à volta dos nós e por brácteas espinescentes, que acompanham cada flor. Durante o desenvolvimento essas estruturas globosas são de cor verde. Na floração destacam-se sempre algumas corolas de cores vivas. Na maturação os globos ficam amarronzados.

As flores apresentam corolas com um colorido muito vivo, geralmente alaranjado, mas podendo ser avermelhado ou violáceo.

O fruto é artrocarpaceo, bicarpelar, geralmente com quatro carcerulídios (fruto seco, indeiscente, unilocular, unisseminado e corresponde à metade de um carpelo). Envolto pelo cálice tubuloso, piloso, com 25mm de comprimento. O carcerulídeo é alongado-cuneiforme.

Texto adaptado de Kissmann, K. G. e Groth, D, 1999; Fotos: Mauro Antônio Rizzardi

Galeria de fotos

CONTATO

Entre em contato conosco

O UP-Herb – Academia das plantas daninhas disponibilizará:

  • Palestras técnicas presenciais ou online
  • Webinars
  • Cursos de curta duração
  • Treinamentos e consultoria in loco